Seja bem-vindo

27 de abril de 2012

Televisão Digital – Uma realidade



As últimas transmissões televisivas em sinal analógico terminaram ontem (26 de Abril do corrente) após mais de três meses do arranque do desligamento do sinal na faixa litoral do pais. Entre outros, os emissores da Gardunha e Lousã ficaram sem sinal analógico.

O termo “apagão” (processo de migração para a televisão digital terrestre (TDT)), veio causar alguma confusão nos meios mais pequenos que, alheios aos pormenores técnicos, a televisão é ainda a companhia e a preciosa aliada da população, nomeadamente mais idosa.

Após 55 anos de história da televisão, o sinal analógico rendeu-se ao digital. Esta novas tecnologias obriga-nos a um processo de adaptação e que ao qual não podemos resistir.

Contudo, nem tudo é mau. A qualidade de imagem digital destaca-se sobretudo pela sua nitidez. Para que a possamos obter, será necessário gastar algum dinheiro. A adquição de um adaptador/ descodificador e uma nova antena exterior (em alguns dos casos) são o fundamentais para essa mudança de sinal o que poderá fazer parte dum orçamento total entre os 60 eur a 70 eur.

Este processo aplica-se aos televisores mais antigos sendo que os mais recentes, já estão adaptados por isso, desnecessários gastos adicionais.

Pela amostragem que obtive, quase toda a população de Louriçal do Campo já se adaptou ao novo sinal e que na sua generalidade, a opinião é positiva quanto á qualidade do sinal.

Nos casos em que se torna necessária a substituição de antena, coloca-se a questão: E agora para onde “virar” a antena? Bom, nesta área eu não sou especialista mas, se o vizinho do lado já tiver sinal digital, basta orientar a nova antena no mesmo sentido da do vizinho e certamente que serão obtidos resultados.

A pensar especialmente nos filhos da Aldeia mas que nos visitam não de uma forma regular mas que , por ventura, necessitem de mais esclarecimentos sobre o assunto TDT, quero aqui deixar dois link’s que me parecem interessantes:




xxcucoxx

26 de abril de 2012

VI Passeio TT 2012 - Louriçal do Campo (Rescaldo)

Realizou-se, tal como anunciado anteriormente, no passado dia 21 de Abril em Louriçal do Campo, o VI Passeio TT Trilhos da Gardunha. Um evento organizado pelos Trilhos da Gardunha que permitiu o convívio dos amantes e simpatizantes desta modalidade.


Por volta das oito horas e meia da manhã, o lugar conhecido por “expo” começou concentrar os primeiros jipes e motos que iriam fazer parte desta actividade. Feitas as inscrições, deu-se lugar ao inicio do passeio.



A meio da manhã, no lugar da Sra da Orada (São Vicente da Beira), realizou-se o “mata-bicho” que permitiu satisfazer as necessidades básicas dos participantes e dar-lhes alguma energia até ao almoço servido na aldeia do Tripeiro.



Após “de barriga cheira”, o destino era Louriçal do Campo. Ali, os esperava uma pista de obstáculos propositadamente montada. A partir das 16:00h, foi possível assistir às manobras realizadas pelos participantes mais corajosos e/ou que tivessem jipes e motos melhor equipados para o efeito.


Para contentamento da organização, houveram dezenas de espectadores que, ao longo do percurso da pista apreciavam o espectáculo.

No fim do dia, os participantes tiveram ainda direito ao jantar que foi servido no salão da Junta de Freguesia de Louriçal do Campo.

O sucesso deste e de outros passeios todo-o-terreno já realizados, tem vindo a destacar Louriçal do Campo pela sua excelente organização e troços de prova. Terminamos com a certeza de que será algo a repetir e eventualmente a melhorar, para que seja mais um evento a levar o nome da nossa Aldeia a outras paragens.

Os agradecimentos a todos quantos participaram e ajudaram na organização deste passeio TT.

Nota: Fotos cedidas pelo seu autor Telmo Domingues

xxcucoxx

12 de abril de 2012

VI Passeio TT em 21 de Abril 2012 - Louriçal do Campo


Realizar-se-á no próximo dia 21 de Abril do presente, em Louriçal do Campo,  o VI Passeio TT. Sabemos entretanto em primeira mão que, estão preparados grandes momentos de emoção ao longo dos trilhos entretanto já demarcados. O sitio da Oles espera uma especial bem dura para a categoria Jeep. Para a categoria das motos, são também esperadas duas a três especiais ao longo do trilho. 

São para já, razões mais que suficientes para a participação de todos os amantes TT. Apareçam e tragam amigos também.

Para melhores esclarecimentos, consultem o programa ou, em alternativa, "Os Trilhos da Gardunha", no Facebook.    

Votos responsáveis e de boas "voltas".

xxcucoxx

8 de abril de 2012

Neste dia...


Desejamos a todos os visitantes e amigos deste espaço, uma Santa e Feliz Páscoa.

xxcucoxx

5 de abril de 2012

Sexta-Feita Santa


Sexta-Feira Santa é a Sexta-Feira que antecede do Domingo de Páscoa. É a data em que os cristãos lembram o julgamento, crucificação, morte e sepultura de Jesus Cristo, através de diversos rituais religiosos.

Na Igreja Católica, este dia faz parte do Tríduo Pascal (composto pela Quinta-Feira Santa, Sexta-Feira Santa e Vigília Pascal, o período mais importante do ano litúrgico. A Igreja celebra e contempla a paixão e morte de Cristo e é o único dia em que não se celebra a Eucaristia.

Os católicos praticantes fazem jejum e a abstinência da carne, em respeito ao sacrifício de Cristo na cruz.

Na noite de Sexta-Feira Santa a Igreja realiza a Via Sacra, uma oração que tem como objectivo levar os cristãos a meditar na paixão, morte e ressurreição de Cristo.

Como povo cristão, Louriçal do Campo não foge aos rituais que a Igreja manda. Celebrou-se hoje, pelas 19:30horas, a procissão que, de cor de roxo, veste o Senhor dos Paços ccarregando a sua cruz, é levado para a Igreja Matriz assim como se fosse o seu caminho para o Calvário.

Votos de Páscoa feliz aos amigos de Louriçal do Campo.

xxcucoxx

1 de abril de 2012

Em defesa das freguesias


Louriçal do Campo preparou-se a rigor e esteve também presente, no passado dia 31 de Março, na maior manifestação de sempre na Avenida da Liberdade, em Lisboa, desde o 25 de Abril que contou com cerca de 200 mil pessoas vindas de todo o país.
Milhares de pessoas com trajes típicos e bombos protestam contra a reforma administrativa que vai levar à extinção de muitas Juntas de Freguesia e transformaram a manifestação num desfile etnográfico.

O protesto foi organizado pela Associação Nacional de Freguesias (Anafre) que se realizou um dia  um dia depois de o grupo parlamentar do PSD ter apresentado uma proposta à Anafre segundo a qual, os municípios podem fundir menos 20% das freguesias em relação aos critérios definidos inicialmente na reforma administrativa, que previa a agregação de 1.000 a 1. 500 destas autarquias.

A proposta de lei que está em causa, poderá ser lida através do link que se apresenta.


xxcucoxx