Seja bem-vindo

22 de maio de 2012

Imagem do Divino Espiríto Santo - Uma história

Imagem do Divino Espiríto Santo - Torre (Louriçal do Campo)

Já foram aqui anunciados os festejos e apresentado o respectivo programa de festas em Louvor ao Divino Espiríto Santo que irão realizar-se no próximo fim-de-semana na Aldeia da Torre (Louriçal do Campo).

A propósito de outras razões, um nosso amigo conterrâneo, mandou para o ar, uma história muito relacionada com estes festejos e, que por isso, achei importante colocá-la aqui para conhecimento de todos.

Assim, passo a narrar:

"A imagem do Divino Espiríto Santo foi construída pelo já falecido Sr. Manuel Nunes que, pelas suas mãos, foi também construído o primeiro andor de S. Fiel e o da Misericórdia de Castelo Novo. Contam os mais velhos que, um dia nos festejos da Torre, mais propriamente ao passar da procissão do Divino Espiríto Santo, este senhor (Sr. Manuel Nunes) foi observado pelo Rev. Padre (daquele tempo), por não ter retirado o chapéu da sua cabeça em respeito da imagem que seguia.
O Sr. Padre não gostou desta atitude. Por isso, mais tarde, abordou-o mais ou menos com estas palavras: " O Sr não tem vergonha de não ter tirado o chapéu da cabeça no momento da passagem da imagem do Divino Espiríto Santo?". Respondeu o Sr Manuel Nunes: "Quem eu?. Então fui eu que o fiz, fui à melhor árvore cortar o melhor pedaço de madeira, trouxe o tronco ás costas, fartei-me de andar à "porrada" a ele lá na oficina e, depois de tudo isto, acha que lhe teria de tirar o chapeú á sua passagem??? Por amor de Deus!. Nem pense!!"

De facto, uma história muito particular  e curiosa que conseguimos obter por quem as sabe e que teve a coragem de a dar a conhecer.

O nosso Bem-haja ao Sr Carlos Vaz de Deus.

xxcucoxx

TDT - "Não há sinal"



No passado mês de Abril, demos aqui tema ao impacto da TDT (televisão digital terrestre) junto da população de Louriçal do Campo.

De facto, o processo de transição do sinal analógico para digital, esse “apagão” de que tanto se falava, passou ao lado dos habitantes entretanto munidos e preparados para o efeito.

Passado quase um mês, já não podemos dizer o mesmo. A falha de sinal digital passou a ser uma realidade constante que incomoda a todos nós enquanto tentam acompanhar os programas televisivos.

Louriçal do Campo não é excepção dado que outras tantas Aldeias do interior deste pequeno país, se queixam do mesmo problema.

O descontentamento é geral. Um dos nossos conterrâneos convidou, no passado dia 13 de Maio, o Jornal Reconquista para fazer uma reportagem sobre esta realidade que assombra a população de Louriçal do Campo.

Na sua edição 3453 de 17 de Maio do presente, escreveu o seguinte:

“No 13 de maio nem com um milagre se viu Nossa Senhora de Fátima na televisão. À hora das cerimónias foram muitos os televisores que ficaram a negro, obrigando a uma romaria de casa em casa. Foi o que aconteceu em Louriçal do Campo mas também noutras localidades da região. A culpa, dizem os populares, é da Televisão Digital Terrestre (TDT).”

Fonte: http://www.reconquista.pt

Visitem ainda o vídeo seguinte: http://videos.sapo.pt/p9IZUlLkV9wcdgeYlHy4

A Junta de Freguesia prontificou-se de imediato a registar o descontentamento da população. Ali, estão a ser recolhidas assinaturas para a elaboração de um documento que será enviado ás entidades mais competentes, como forma de protesto.

Sabemos entretanto que a ANACOM (Autoridade Nacional de Comunicações) está a dar como sugestão ao problema, a aquisição do kit DTH (antena parabónica), o que custa cerca de 96 eur.

Paralelamente, sabemos ainda que a concorrência (Zon, Meo,...) estão a sufocar as populações com telefonemas no sentido de vender o seu produto como aproveitamento desta triste realidade.

Perante tal cenário, importa realçar que o sinal digital (TDT) esteve a funcionar na sua plenitude nas primeiras duas semanas de funcionamento. O que nos leva a questionar por que razão e após esse período, o sinal perdeu a sua qualidade. Penso que deveremos aguardar por boas novas porque esta realidade de contestação terá, de certo, o seu impacto e que sua vez, uma solução que dê por terminada esta postura.

É muito grave o que este governo esta a fazer. Está a retirar o direito à tv gratuíta ás populações e de forma indirecta. O sistema de frequência única em todo o território foi escolhido deliberadamente para deixar grandes áreas de população ás escuras e assim serem obrigadas a ir para a tv paga. Este sistema não permite que os transmissores tenham grandes potências para não se interferirem uns aos outros. Em todos os outros países a TDT tem mais que uma frequência. Essa prova é-nos dada pela vasta rede de canais (e sua qualidade) que conseguimos receber da vizinha Espanha.

Em suma, a TDT é sinónimo de uma vergonha nacional e a este governo, a devemos agradecer.

xxcucoxx

18 de maio de 2012

Festa do Divino Espírito Santo' 2012 - Torre



Apresenta-se o programa de festas em Louvor do Divino Espírito Santo a realizar-se nos próximos dias de 25 a 28 de Maio, na Aldeia da Torre (Louriçal do Campo).

Já ontem, dia 17, foi hasteada a bandeira na Capela como sinal do inicio dos festejos.

Contamos, uma vez mais, com a participação de todos.

Até lá!

xxcucoxx

9 de maio de 2012

Pela Freguesia de Louriçal do Campo.


Queremos informar desde já que, pelas 17 horas do dia 19 de Maio do corrente, no decorrer da Assembleia da Freguesia de Louriçal do Campo, dar-se-á inicio do processo de elaboração de um documento vinculativo que será entregue ás entidades mais competentes e superiores onde serão apresentados todos os argumentos válidos e necessários que justifique a não extinção de Louriçal do Campo como Freguesia. 

Todos os argumentos serão válidos de aceitação. Por isso, compareçam e tragam o vosso argumento que possa ajudar na continuidade de Louriçal do Campo como Freguesia.

Todos por Louriçal do Campo e para isso, teremos que marcar a nossa presença. É importante!

xxcucoxx

7 de maio de 2012

2º Encontro de Economia Social e Solidariedade - Louriçal do Campo


Mais uma vez vamos mostrar o trabalho realizado ao longo do ano entre os idosos do Centro de Dia e Social de S. Bento e os adolescentes da Casa da Tapada da renda, pois é sempre possivel aprender quando se junta duas gerações distintas com histórias de vida tão interessantes!!!! Gostava assim de contar com a presença de todos para poder partilhar esses Saberes!!!!! Partilhem aos vossos amigos e não se esqueçam de aparecer!!!! Pois para além disso tudo vamos ter a sangria do Castelo!!!!!


Texto de: Célia Santos

Fica pois o convite. De certo, que valerá a pena a nossa presença.

xxcucoxx

1 de maio de 2012

Maio. Mês de Maria


Maio é o mês de Maria. Em Louriçal do Campo são várias as peregrinações feitas, de forma organizada ou não, ao Santuário da Nossa Senhora de Fátima para que ali se reze à Senhora.
Um lugar imponente construído nos anos de 1940 e que todos os anos, sobretudo neste mês de Maio, recebe inúmeras pessoas, nomeadamente vindas de Louriçal do Campo para que ali deixem as suas preces junto da imagem de Nossa Senhora de Fátima.

Importa aqui referir, e só mesmo para recordar muitos de nós, tais como eu, que não passamos por lá há algum tempo, um dos caminhos mais utilizados pelos peregrinos da nossa Aldeia no acesso a este Santuário, é a “Quelha das Bruxas”. É um caminho pedestre que dá, também, acesso às hortas que circundam a povoação neste lugar do Pontão Largo e Varzea (traseiras do cemitério com direcção ao Santuário).

No seguimento do post aqui colocado neste espaço, com data de 18 de Março do corrente, quero aqui, e porque também já foi fenómeno ocular de todos nós, fazer uma pequena e breve referência à limpeza e manutenção das imediações do Santuário da Nossa Senhora de Fátima, entretanto já ocorridas no decorrer do passado mês de Abril.





Os factos são notórios. Para além da limpeza, os trabalhos incidiram sobretudo na poda de cedros que fazem sebe junto ao muro do lado esquerdo ao Santuário (posicionamento nascente – poente). Ficámos ainda a saber que, estão a ser feitos todos os esforços para que, finalmente, a água ali seja colocada com fins de regadio e manutenção dos espaços verdes.

Leva-nos a crer que, após criadas todas as condições de manutenção continuada (e de rega, inclusive), este espaço será palco das tão merecidas Boas Vindas a Louriçal do Campo, como também um orgulho para todos nós, Filhos desta Aldeia.

Se todos contribuirmos, teremos melhores condições e formas de estar. Afinal, Louriçal do Campo merece e nós como Filhos, também.

xxcucoxx