Seja bem-vindo

15 de setembro de 2015

Agosto de 2015 (Um bem-haja)!!

No decorrer do passado mês de Agosto, demos aqui alguma enfase aos grandiosos festejos em honra de S. Fiel e Sto António que se realizam na nossa aldeia. Como tem sido habitual, gosto de deixar aqui uma palavra de agradecimento a todos os que, em geral, contribuiram para a continuidade de tais festejos.

Um destaque muito especial à população da nossa Aldeia pois sem ela, não seria possível a realização de tal evento.

À comissão de festas  que organizou e trabalhou no seu melhor para dar aos que nos visitaram, momentos de convívio e diversão.


À Junta de Freguesia que, nestes dias de maior afluência juvenil, que em parceria com o Centro de Dia, conseguiu uma vez mais, e de forma bem organizada, fomentar o bem-estar dos nossos mais jovens, com actividades a vários níveis (piscina, padaria, pinturas, educação músisal (...)).


Á direcção da Sociedade Filármónica de Louriçal do Campo que, pela cedência da sua sede e com a boa vontade da sua Mestrina, Ana Filipa Terra, permitiram aos mais jovens, um primeiro contacto com instrumentos musicais.


Á gerência panificadora que explora as instalações sedeadas em Louriçal do Campo pois permitiu, também aos mais jovens, o contacto genuíno do "fazer o pão".


Ao Centro de Dia que, de uma forma muito gentil e profissional, serviu a refeição de almoço ao já habitual convívio anual da Arfal, contribuindo assim também, esta última, para as receitas da comissão de festas.


Um acaso: Falei com um amigo que me disse: "fiz o caminho pedestre das azenhas (Casal da Serra-Torre). Gostaría de o ter feito com alguém que tivesse dado a conhecer a história deste percurso, nomeadamente, das azenhas".  Respondi: "temos pessoal à altura para isso, provavelmente, para o ano próximo, teremos essa actividade devidamente organizada e nos termos exigidos para o mês de Agosto, portanto, de maior afluência populacional".


Creio que estamos no caminho certo. Sou da opinião de que o mês de Agosto, portanto, mês de maior afluência, não deverá resumir-se exclusivamente às actividades associadas aos festejos anuais. Temos um conjunto de potencialidades que poderão/deverão ser ainda mais exploradas. Conhecimentos que deverão ser dados a conhecer. Mas temos também uma massa humana munida de conhecimentos a vários níveis e que por si só, são também um enorme potencial a explorar, nomeadamente, os mais jovens.


A união faz a força. Louriçal do Campo precisa de se destacar ainda mais e melhor. De forma organizada, poderemos chegar lá, sem dúvida.

Um grande bem-haja.

xxxcucoxx
 
 

9 de setembro de 2015

'Gente da Minha Terra' com Joaquim Nicolau!


 
Hoje, eram cerca das 19 horas quando um conterrâneo, vizinho e amigo me telefonou a convidar a fazer um “reverse” à emissão da uma cadeia de emissão televisiva pois decorrera por volta das 15:55h uma reportagem de um amigo bem conhecido de todos nós, da nossa aldeia. É claro, que segui as orientações dadas e, fi-lo de imediato! Em directo, entra em cena o nosso amigo Joaquim Nicolau em cena.
Na companhia do seu pai, na idade dos seus 93 anos, o estimado Sr. Gregório (que conheço desde a minha infância e que, em Novembro de 2014, me cedeu a gentileza de uma entrevista vídeo-fotográfica que ficará para um dia mais largo recordar), ambos, subiram ao miradouro mais alto da vertente sul da Serra da Gardunha para mostrar ao mundo, provavelmente a mais bela aldeia de Portugal – Louriçal do Campo.
Vivi, com alegria, o momento que o amigo Joaquim Nicolau mostrou Louriçal do Campo ao mundo. Provavelmente, porque foi mostrado por ele e de uma forma tão especial, aquilo que tão bem conhecemos e vivemos quando visitamos mas, o sentimento foi diferente (…).
Não me quero adiantar mais. Assim, e tal como lhe transmiti telefonicamente, Louriçal do Campo tem sido conhecido, há alguns anos a esta data e através das redes sociais e outros, da sua presença e vontade de vigorar. Por isso, é sempre bem-vindo mais um belo aconchego muito especial para a divulgação da nossa aldeia tendo em conta as suas potencialidades.
Para ele, as maiores felicidades e que, sobretudo, não se esqueça de nós. Nós contamos com ele.
Por ele, deixa um abraço para todos nós.
Visitem, na integra o vídeo em:http://sic.sapo.pt/Programas/grande_tarde/videos/2015-09-09-Gente-da-Minha-Terra-com-Joaquim-Nicolau

 
xxcucoxx