Seja bem-vindo

31 de maio de 2016

Dia da Criança (...)

"Depus a máscara e vi-me ao espelho.
Era a criança de há quantos anos.
Não tinha mudado nada...
É essa a vantagem de saber tirar a máscara.
É-se sempre a criança,
O passado que foi
A criança.
Depus a máscara, e tornei a pô-la.
Assim é melhor,
Assim sem a máscara.
E volto à personalidade como a um términus de linha."

Álvaro de Campos, in "Poemas"
Heterónimo de Fernando Pessoa



xxcucoxx

5 de maio de 2016

Dia da Espiga

Propriedades circundantes à Barragem da Marateca

O Dia da espiga ou, Quinta-feira da espiga é uma celebração portuguesa que ocorre no dia da Quinta-feira da Ascensão com um passeio matinal, em que se colhem espigas de vários cereais, flores campestres e raminhos de oliveira para formar um ramo, a que se chama de espiga.
 
Segundo a tradição, o ramo deve ser colocado por detrás da porta de entrada das nossas casas e, só deve ser substituído por um novo no dia da espiga do ano seguinte.

As várias plantas que compõem a espiga têm um valor simbólico profano e um valor religioso.

Crê-se que, esta celebração tenha origem nas antigas tradições pagãs e esteja ligada à tradição dos Maios e das Maias.

 A simbologia por detrás das plantas que formam o ramo de espiga:

•Espiga – pão;
•Malmequer – ouro e prata;
•Papoila – amor e vida;
•Oliveira – azeite e paz; luz;
•Videira – vinho e alegria e
•Alecrim – saúde e força.
 
xxcucoxx